Publicado em Escrever

Dica de redação #4

No livro “Comer, rezar, amar”, de Elizabert Gilbert, a personagem principal tem um momento de grande abalo emocional e não consegue falar com um amigo sobre isso. Então, ele, que é italiano, dá um conselho PARA A VIDA:
“FALE DO MESMO JEITO QUE VOCÊ COME”.
A ideia é que você transforme a escrita (ou fala) em algo tão natural quanto uma refeição. Simplesmente fale/escreva.
Eu só espero que você tenha o mínimo de traquejo à mesa, rs.
Aqui vai o trecho do livro para quem teve curiosidade:
“‘Parla come mangi’ […]. na minha tradução pessoal, ‘Diga como se estivesse comendo’. É um lembrete – quando você está se esforçando além da conta para explicar alguma coisa, quando está procurando as palavras certas – para manter sua linguagem simples e direta como a culinária romana. Não transforme isso em um bicho-de-sete-cabeças. Simplesmente fale.”
#dicadaLaíza  #AumenteSuasNotas  #EscrevaMelhor #EntendaSuaLíngua

Autor:

Algumas paixões e muitas palavras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s